Juniores da AD Ovarense recebem cartão branco no dia da consagração do tricampeonato

Por em 05/06/2018

E já lá vão três seguidos! A AD Ovarense, uma das potências do futebol feminino de formação, confirmou o seu favoritismo no Campeonato Distrital de Juniores e foi consagrada, no passado sábado, com a festa do tricampeonato.

Na 30ª jornada, as vareiras receberam o SM Murtoense naquele que foi um jogo atípico. Apesar de se tratar de uma competição de Futebol de 7, a formação da Murtosa apresentou-se no Centro de Formação da ADO com apenas 5 jogadoras. Assim, e naquele que foi um bonito gesto de desportivismo por parte da AD Ovarense, as alvinegras fizeram questão de também ir a jogo com apenas 5 elementos, mantendo-se apenas as dimensões do campo em que a partida se desenrolou.

Uma decisão que valeu o segundo cartão branco (cartão que premeia atitudes eticamente corretas durante um jogo) da temporada para as tricampeãs e que foi dado pelo árbitro da partida após o final do primeiro tempo.


As juniores vareiras já tinham sido as estreantes a nível nacional no que diz respeito a este símbolo de fair play. No duelo frente à Geração Rui Dolores, que tinha apenas 6 jogadoras disponíveis, a Ovarense também jogou com 6 e foi premiada por isso. Assim, os dois cartões brancos das alvinegras foram recebidos por motivos bem semelhantes.

Facto é que, no que diz respeito à partida perante o Murtoense, a etapa complementar já não aconteceu. Segundo Paulo Campino, técnico da Ovarense, um misterioso telefonema vindo da Murtosa impediu que as atletas e o técnico visitante, Fábio Padinha, pudessem ir a jogo. Certo é que a Ovarense, à hora do intervalo, já vencia por esclarecedores 7-0.

Numa primeira parte de sentido único, a Ovarense fez valer a maior qualidade do seu plantel. Mariana Campino fez um poker – provavelmente o mais rápido da sua carreira -, Soares picou o ponto e Ritinha bisou. Esta última, em especial, não começou como titular mas brilhou após ter entrado na partida.


Paulo Campino nem precisou de lançar Joana Gomes, Mariana Almeida, Ninja e Ema Aleixo, quatro atletas que costumam ser titulares nas seniores. Algo que deixa a nu a enorme qualidade que existe neste plantel e que explica, em parte, o porquê da Ovarense ser tricampeã e ter arrecadado o título desta época com 29 vitórias, um empate, 259 golos marcados e apenas 23 sofridos.

No que diz respeito ao Murtoense, os maiores destaques vão para a guardiã, Fabiana Guedes, que efetuou algumas defesas de bom nível; e ainda para Catarina Gonçalves, atleta que foi capaz de desequilibrar em alguns momentos, embora tenha saído completamente desgastada para o intervalo.

No final da partida, e antes da entrega da taça, foi realizado um minuto de silêncio em homenagem ao jovem Gonçalo Tomé, falecido na semana passado e antigo colega de muitas das atletas da AD Ovarense. Uma honra devida e que foi salientada por Paulo Campino aos microfones da Rádio AVfm.


De medalhas ao peito, as vareiras receberam a taça das mãos dos representantes da Associação de Futebol de Aveiro e a festa começou nesse momento, no relvado, com comunhão entre atleras e familiares. Apesar da euforia, as jogadoras do Murtoense não foram esquecidas e a AD Ovarense, noutro bom gesto, fez questão de oferecer cinco das suas medalhas às rivais

Agora, o futebol feminino da Ovarense vira as suas baterias para as finais que estão à porta. Nas seniores, as alvinegras têm embate marcado contra o Marítimo pelo título do Campeonato de Promoção, sendo que a primeira mão se joga já no próximo domingo, em solo madeirense. Já na vertente de juniores, a Ovarense está apurada para a final da Taça de Aveiro e vai encontrar a turma do AC Cucujães num jogo que repete a decisão do título da edição do ano passado – onde as vareiras derrotaram as cucujanenses por 2-1.

Mais um ano em cheio para o futebol feminino de Ovar!

Ouça a entrevista de Paulo Campino, no final da partida, à Rádio AVfm:

  • Declarações AD Ovarense | Paulo Campino:

 

FICHA DE JOGO | AD Ovarense x SM Murtoense | Campeonato Distrital Juniores – 30ª jornada

AD Ovarense: Miriam, Carol (c), Mariana Campino, Bruna Antunes, Ana Soares. Jogaram ainda: Nestum, Maria Inês, Ritinha e Cristiana Soares. Treinador: Paulo Campino.

SM Murtoense: Fabiana Guedes (c), Renata Santos, Mariana Cunha, Flávia Guedes e Catarina Gonçalves. Treinador: Fábio Padinha.

Resultado final: 7-0.
Resultado ao intervalo: 7-0.
Marcadores: Mariana Campino (4), Ana Soares, Ritinha (2).

Veja a fotogaleria do encontro:

 


Fotos: António Silva
Texto: Joel MaginaPedro Silva
Áudio: Jaime Valente


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

A sua nova rádio de sempre

A passar agora
TITLE
ARTIST