Carlos do Carmo: «Quando o público me der sinal que não quer, eu saio. Até hoje não deu»

Por em 09/08/2017

Carlos do Carmo foi o artista que iniciou os «Concertos na Avenida» do Furadouro, este sábado, dia 5 de julho.

O fadista de 77 anos deu uma entrevista exclusiva à rádio AVfm horas antes do espetáculo começar.

Entrevistado por Jaime Valente, repórter da AVfm no Furadouro, o único português de sempre a vencer um Grammy – o maior prémio da indústria musical – mostrou vontade de entrar em palco com a «entrega total» e a «paixão» que sempre o caracterizaram ao longo dos 54 anos de carreira.

O concerto ficou marcado pelo silêncio ao longo de uma avenida cheia, por um público que se concentrou nas letras de poesia escolhidas e interpretadas por Carlos do Carmo, nesta que foi a terceira vez que atuou no município de Ovar.

No palco, a acompanhar, estiveram José Manuel Neto na guitarra, Carlos Manuel Proença na viola de fado e José Marino Freitas no baixo. «Três grandes músicos do fado», afirma a voz do eterno clássico Lisboa Menina e Moça.

Mesmo perante a idade e uma carreira plenamente consagrada, o músico pretende continuar a cantar o fado. «Há três vetores que são absolutamente fundamentais. Um é quando o público me der sinal que não quer, eu saio. Até hoje não deu, pelo contrário. O outro é se eu sentisse minimamente beliscada a minha paixão. E há um terceiro que eu não controlo, que é a saúde», contou.

Numa entrevista descontraída e bem disposta, o artista que inaugurou as festividades junto à praia do Furadouro abordou vários assuntos, entre os quais a ausência de palmas no fado, a serenidade que revela no palco e também as duas vezes em que conseguiu fugir à morte. Revelou também perspetivas pessoais sobre o panorama da música portuguesa ou a cultura no país, com tempo para deixar uma mensagem para os jovens. Mas melhor, claro, só mesmo ouvindo.

 

Entrevista a Carlos do Carmo.

Carlos do Carmo – Entrevista Completa

 

O espetáculo esteve inserido no programa de dinamização das zonas balneares do município de Ovar, Animar as Praias, organizado pela Câmara Municipal.

Vê aqui a fotogaleria da noite:

 


Foto: Francisco Valente
Texto: Ricardo Marques


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

A sua nova rádio de sempre

A passar agora
TITLE
ARTIST