Billy Lobster

Blues

Pavel Racu, mais conhecido por Billy Lobster, pode ser descrito de várias formas. Uma delas, talvez a mais importante, é: respira blues.

Nascido na Moldávia em 1988, aos 17 anos Billy Lobser emigrou com os pais para Portugal. Uma das suas primeiras memórias de infância é a de improvisar solos numa guitarra feita com uma vassoura. Com cinco ou seis anos de idade, ainda sem saber tocar qualquer instrumento, sabia que queria fazer um disco e isso era uma certeza absoluta.

Anos mais tarde aprendeu a tocar clarinete e guitarra, surgindo assim o blues, com John Lee Hooker, Muddy Waters e Howling Wolf como referências. Descoberta a paixão, compôs a sua primeira música inspirada no boogie do John Lee Hooker, e assim nasceu a “Boogie on the fly”, o primeiro single que viria a dar o nome ao álbum primogénito.

Quando deu por si, a criança de cinco anos estava a entrar em estúdio com uma guitarra de verdade para gravar o primeiro disco que viria a ter 11 músicas. O longa duração tem vestimenta de rock moderno com uma ou outra música mais tradicional do blues. Muitas vezes disfarçado, tal como uma lagosta muda de casca consoante o crescimento, também aqui o blues muda de roupa consoante o amadurecimento.

Alinhamento