30 minutos de «Bailinho da Madeira» obrigam Ovarense a nova derrota

Por em 21/11/2018

A Liga BPI tem sido matreira para a AD Ovarense. No passado domingo, a turma vareira recebeu o CS Marítimo e perdeu por 3-2. A atletas de Paulo Campino ainda tiveram uma vantagem de dois golos, mas viram-na fugir na última meia hora de jogo graças a um hat-trick da visitante Telma Encarnação.

Portanto, pela segunda semana consecutiva, a Ovarense viu a possibilidade de somar 3 pontos fugir-lhe de forma inglória. Já na jornada anterior, as alvinegras estiveram a vencer o Estoril por 3-0 ao intervalo… e ainda foram perder 4-3.

Facto é que, contra o Marítimo, a Ovarense realizou uma primeira parte de muita classe. Logo no primeiro minuto de jogo, Paulinha abriu o marcador numa jogada coletiva que, antes do remate da ex-Boavista, passou pelos pés de Soares e Joana Gomes.

As madeirenses demoraram a entrar na partida e só ao minuto 26 ameaçaram com um remate de Telma Encarnação. Porém, o tiro foi parado por Lara Sousa, uma guarda-redes que continua a realizar exibições de altíssimo nível apesar de ser a mais batida do campeonato.

O jogo foi controlado pela Ovarense até ao intervalo e as vareiras até entraram no segundo tempo da mesma forma com que começaram o primeiro. Mariana Campino foi capaz de fazer o segundo golo na sequência de um livre cobrado pela aniversariante Beatriz Rodrigues. O Marques da Silva explodiu!

Destaque para os festejos do 2-0, altura em que Mariana Campino aproveitou para entregar uma camisola com assinatura de todas as atletas ao seu treinador/pai. Paulo Campino recebeu o presente em lágrimas e, com 55 minutos de partida, já acreditava que seria possível repetir a vitória sobre o Marítimo que garantiu o título da Promoção de 2017/18.

O que ninguém estava à espera no estádio é que os últimos 30 minutos de jogo fossem tão desastrosos para a ADO, sobretudo a nível defensivo.

Telma Encarnação, que seria a figura do jogo, fez o primeiro da sua contagem de livre direto, aos 60′. 5 minutos depois, aproveitou uma distração da linha defensiva e ganhou uma grande penalidade que converteu com sucesso.

Se o empate já era mau para a Ovarense, o que dizer da reviravolta do Marítimo. As insulares precisaram de esperar quase até ao fim do encontro, mas aos 90’+2 sentenciaram as contas. Telma Encarnação fez mais um golo e fechou o placard para as verdes rubras.

Joel Magina foi o repórter da Rádio AVfm no Estádio Marques da Silva. Ouça as declarações dos técnicos:

  • AD Ovarense | Paulo Campino:

 

  • CS Marítimo | Nuno Reis:

 

A Ovarense teima em perder a chance de somar na sua luta pela manutenção. E, mais uma vez, as vareiras voltaram a mostrar muitas debilidades defensivas e isso foi criticado pelos adeptos no estádio.

O desalento era tanto no final do jogo que, com os ânimos quentes, alguns elementos da equipa técnica dos da casa acabaram mesmo expulsos por protestos contra a árbitro da partida. No entanto, a verdade é que a Ovarense já leva 27 golos sofridos em apenas 7 jogos e ninguém discorda de que precisa urgentemente de uma defesa mais sólida para esta Liga BPI.

Apesar de continuar acima das posições que dão a despromoção, a AD Ovarense ocupa o 10º lugar classificação. A 8ª jornada do campeonato traz uma difícil deslocação ao reduto do Atl. Ouriense, terceiro classificado.

FICHA DE JOGO | AD Ovarense x CS Marítimo | Liga BPI – 7ª Jornada

AD Ovarense: Lara Sousa, Beatriz Rodrigues, Belinha, Joana Pinho, Mariana Campino, Mariana Almeida, Joana Gomes, Betinha (c), Flávia Marinha, Paulinha, Catarina Soares
Jogaram ainda: Rute Silva, Patrícia Cavadas
Suplentes não utilizadas: Pêras, Bruna Gomes, Ninja, Antunes, Jójó
Treinador: Paulo Campino

CS Marítimo: Bárbara Santos, Andreia Neves, Clara Vieira, Cláudia Abreu Vieira, Rubina Dantas, Patrícia Teixeira, Inês Freitas, Giovana Cruz, Neuza Caldéria, Marta Fernandes, Telma Encarnação.
Jogaram ainda: Nádia Freitas, Tânia Santos, Érica da Costa.
Suplentes não utilizadas: Lisa Rodrigues, Cláudia Santos Vieira.
Treinador: Robert Teixeira

Árbitro: Sandra Nogueira
Árbitros Assistentes: Sérgio Ferreira, Domingos Barros

Resultado final: 2-3
Resultado ao intervalo: 1-0
Marcadores: Paulinha (1′), Mariana Campino (55′), (Telma Encarnação 60′, 65′, 90’+2)

MVP Rádio AVfm: Telma Encarnação (CS Marítimo)
Sob o olhar atento do selecionador nacional, Francisco Neto, a jovem maritimista brilhou com um hat-trick no Marques da Silva. Muito talento desta atacante que conduziu quase todos os ataques da sua equipa. Pelo que foi visto em Ovar, Telma Encarnação pode vir a ser um caso sério a nível nacional e até já foi escalada para um estágio com a equipa nacional portuguesa. 

Galeria de fotos do encontro:

« 1 de 41 »

 


 

Fotos: António Silva
Texto: Joel Magina
Áudio: Jaime Valente
Revisão: Pedro Silva

 


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

A sua nova rádio de sempre

A passar agora
TITLE
ARTIST