CD Furadouro empata em Arrifana e o topo da tabela continua «embrulhado»

Por em 06/02/2018

No jogo grande da 15ª jornada da Série A da 2ª Divisão Distrital, o CD Furadouro visitou o reduto do Arrifanense e empatou a uma bola. Um resultado que mostrou uma formação vareira a bater-se bem contra a turma de Santa Maria da Feira, mesmo depois de ter registado um início de jogo a frio e que quase deitou tudo a perder.

Antes o apito inicial, a equipa do Furadouro ocupava a quarta posição e o Arrifanense era segundo. Com dois pontos a separar as duas formações, este era um jogo importantíssimo na luta pela «liguilha», algo que tinha já sido sublinhado por Miguel Sousa após a vitória sobre o CCR São Martinho.

O treinador do Furadouro realizou 3 alterações em relação à ultima partida. Paulinho, Chico e Rolas regressaram ao onze inicial. Confiou a baliza a Paulinho; o quarteto defensivo foi composto por Manu, Kikas, Teixeira e Chico; o meio campo teve Camião, o capitão Maganinho e Rolas; e, no ataque, a aposta recaiu em Ratinho, Vaz e Tiago Marques.

Miguel Avelã, timoneiro do Arrifanense, apostou em Maia para a baliza; na defesa jogou com Bruno Tavares, Ricardo, Rui Pinho e Vasco; no miolo lançou Reis, Folha e Júnior; enquanto que, no ataque, recorreu a Carlos, Diogo e Berna.

Como já referido, a entrada em jogo do Furadouro foi complicada. Valeu Paulinho, guardião que voltou a realizar uma exibição demolidora ao longo dos 90 minutos.

No entanto, aos 7′, o Arrifanense já se adiantava no marcador. Bruno Tavares cruzou na direita, Berna recebeu, virou-se e disparou com o pé direito. A bola só parou no fundo das redes, mesmo que Paulinho ainda lhe tenha tocado. Destaque para a excelente execução de Berna, que aproveitou bem o espaço que o bloco defensivo lhe concedeu.

O CDF continuava apático e o Arrifanense aproveitava. Aos 10′, Paulinho voltava a dar nas vistas com duas defesas seguidas: duas monstruosas paradas na resposta a um remate de Diogo e à ressaca do atacante Berna.

A tarefa dos vareiros não estava fácil. Mas, contra a corrente do jogo, o empate foi alcançado. Na sequência de um canto, Ratinho cruzou, a defesa dos anfitriões não conseguiu fazer o corte nas devidas condições e o defesa Teixeira foi muito oportuno na finalização. Com um toque subtil, colocou a bola na baliza de Maia.

O Furadouro foi melhorando aos poucos e aproveitou o facto do Arrifanense ter sentido o golo do empate. A equipa de Miguel Avelã só reagiu no começo da segunda parte, mas Paulinho voltou a encher a baliza. Aos 49′, Berna ficou isolado, tentou passar pelo guardião, mas este levou a melhor e fez uma mancha deslumbrante.

Aos 62′, Miguel Sousa lançou Ruizinho e Hugo para os lugares de Maganinho e Vaz. As alterações tiveram um efeito positivo e a equipa do Furadouro ganhou mais velocidade e começou a triunfar nos duelos do miolo.

No minuto 82, Ratinho teve o golo nos pés e desperdiçou quando podia ter feito melhor. Rolas deixou tudo para trás, ganhou a linha de fundo efetuou um cruzamento longo e que foi parar a Ratinho. Este até rematou de primeira, mas o guardião Maia respondeu muito bem.

Até ao fim, o Furadouro ainda se queixou de uma grande penalidade não assinalada. No lance em questão, Tiago Marques optou por ir para cima do defesa do Arrifanense e, após uma simulação, parece ter sofrido um toque. Um lance que deixa muitas dúvidas e que não passou despercebido ao banco do CDF e aos apoiantes dos vareiros.

O resultado não se iria alterar e o empate foi mesmo o desfecho final. A divisão de pontos tem de se aceitar, mesmo que este tenha sido um embate entre duas equipas que lutaram muito e que tiveram oportunidade para fazer o cheque-mate no encontro.

Joel Magina foi o repórter da Rádio AVfm no local. Ouça as declarações dos técnicos da partida:

  • Declarações CD Arrifanense | Miguel Avelã:

 

  • Declarações CD Furadouro | Miguel Sousa:

 

O Furadouro mantém a 4ª posição e prossegue com dois pontos de desvantagem sobre a turma de Arrifana. Apesar da interrupção do campeonato do próximo fim de semana para os festejos do Carnaval, o Furadouro pode já preparar-se para o embate com o UD Fermedo. Um jogo que está marcado para o dia 18 de Fevereiro.

 


Fotos:  Joel Magina
Texto: Joel Magina
Áudio: Jaime Valente

 


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

A sua nova rádio de sempre

A passar agora
TITLE
ARTIST