Kikas «vestiu pele de herói» e carimbou mais uma vitória do CD Furadouro

Por em 15/01/2018

O CD Furadouro visitou e venceu a equipa B do Fiães SC por 2-1, já nos minutos finais. Justiça feita numa vitória de uma turma da praia que fez uma segunda parte «monstruosa».

O Furadouro, à partida para esta 12.ª jornada, ocupava a 6ª posição da 2ª Divisão Distrital – Série A e tinha 19 pontos. O Fiães SC tinha mais um ponto e estava um lugar acima na classificação, 5º. Ambas as equipas vinham de derrotas dolorosas: o Furadouro, depois de uma excelente exibição, perdeu injustamente em Argoncilhe; por outro lado, o Fiães perdeu, já em tempo de compensação, em casa com o Real Nogueirense (4-3).

Miguel Sousa efetuou três alterações no onze em relação à ultima jornada. Maganinho, Ratinho e Ruizinho entraram de rajada para a equipa. Na baliza apostou em Paulinho; o quarteto defensivo foi constituído por Manu, Kikas, Teixeira e Dário; no miolo atuaram Camião, o capitão Maganinho e Rolas; no ataque depositou confiança em Ratinho, Ruizinho e Tiago Marques.

Em relação à equipa B do Fiães, o timoneiro Carlos Coelho apostou em Rui na baliza; a defesa foi composta por Andrezinho, Castro, Grilo e Xavi; o meio campo foi entregue a Neto, Gonçalo e Bié; na frente depositou confiança em Henrique, Lopes e Jorge.

A turma vareira entrou muito apática na partida e aos 14’ sofreu o primeiro golo. O Natal já passou mas Dário decidiu oferecer uma prenda a Lopes que ficou na cara de Paulinho e desfez o nulo no jogo.

O Furadouro começou a acordar aos poucos e, aos 22’, Teixeira cabeceou ao travessão após um canto de Ratinho. A bola ainda sobrou para Ruizinho que disparou mas embateu na muralha defensiva da equipa de Santa Maria da Feira.

Depois, aos 30’, Tiago Marques colocou a bola no fundo da baliza mas o árbitro anulou por fora de jogo. Uma decisão que deixa muitas dúvidas!

O empate acabou por chegar aos 38’, com o matador Tiago Marques a voltar aos golos… e que golo! Excelente combinação entre Rolas e Ratinho que cruzou para Tiago Marques. De forma mágica, este colocou no fundo das redes. Enorme finalização de calcanhar do avançado que revelou muita classe à mistura. Um golo que irá ficar nos livros dourados do Furadouro!

Ao intervalo, o empate ajustava-se devido ao equilibrio, tanto na posse de bola como no número de oportunidades para cada lado.

Mas, na segunda parte, tudo mudou. O Furadouro entrou com uma atitude demolidora e por várias vezes «inclinou o campo». O granizo e a trovoada que se fizeram sentir no início do segundo tempo tornaram o sintético do Complexo de Fiães muito pesado, algo que o Furadouro aproveitou melhor devido à maior experiência dos seus atletas. Miguel Sousa lançou Vaz para o lugar de Ruizinho e a partida animou. Ratinho foi o elemento mais em foco nesta segunda parte e o atleta vareiro deu o que tinha e o que não tinha.

As oportunidades começaram a aparecer: aos 60’, Tiago Marques chutou para uma excelente intervenção de Rui; dois minutos depois, foi a vez de Vaz ao disparar um remate cruzado e perigosíssimo.

Foka e Hugo renderam Camião e Teixeira e vieram dar mais frescura aos vareiros. Por sua vez, o técnico dos Fiães, Carlos Coelho, estava descontente e parecia querer mudar os 11 jogadores em campo (algo que até confessou à AVfm no final do encontro).

Aos 80’, Ratinho trabalhou bem sobre Andrezinho mas foi longe demais com a bola e atrapalhou-se quando chegou perto do guarda-redes Rui.

Aos 85’, foi a vez de Hugo, que ainda deve estar a pensar como não fez golo na cara do guardião. Completamente solto e à vontade, rematou ao lado e aumentou o número de oportunidades sem sucesso para o Furadouro.

Mas finalmente, aos 90’, quando pouca gente já acreditava, foi Kikas que deu o grito de revolta. Ratinho trabalhou bem na esquerda e assistiu o defesa que disparou para a «remontada» no encontro. Um golo que foi festejado por todos dos elementos do CDF.

Quando se pensava que o resultado já estava fechado, o Fiães acordou nos últimos minutos. Páscoa e André tiveram o golo nos pés mas valeu a segurança do guardião Paulinho nos instantes finais.

  • Declarações CD Furadouro | Miguel Sousa:

 

  • Declarações Fiães SC B | Carlos Coelho:

 

Vitória justa da equipa do Furadouro, pois foi o conjunto que mais esteve perto da baliza contrária, especialmente na segunda parte. A equipa do Fiães B já vai no terceiro desaire consecutivo e, por isso, vai caíndo na tabela classificativa.

O Furadouro subiu ao 4º lugar provisório e ultrapassou o Fiães B e o Sanguedo, rivais diretos na classificação.

Para a semana, o Furadouro recebe o União de Lamas B. A turma do Fiães B desloca-se a Sabariz.

 


Foto: Melissa Silva
Texto: Joel Magina
Áudio: Jaime Valente

 


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

Rádio global de âmbito local

A passar agora
TITLE
ARTIST