“Libertação” sobe ao palco do CAO com um pedaço da nossa história colonialista

Por em 08/10/2020

Sexta-feira, dia 9 de outubro, pelas 22 horas, o palco do Centro de Arte de Ovar vai voltar a receber a Companhia Hotel Europa, que apresenta a peça de teatro “Libertação”, encerrando assim um ciclo de espetáculos sobre o colonialismo que a companhia encenou e tem vindo a apresentar.

Depois da apresentação de “Portugal Não É Um País Pequeno” e “Passa-Porte”, a trilogia completa-se com “Libertação”, que aborda o episódio mais traumático da história recente de Portugal: a Guerra do Ultramar. O espetáculo foi criado e é dirigido por André Amálio, que faz parte do elenco juntamente com Lucília Raimundo e Ricardo Cruz. Tereza Havlíčková participou como co-criadora na criação da peça.

O argumento de “Libertação” é construído a partir de entrevistas feitas a antigos soldados das guerras da independência, lado a lado com uma rigorosa pesquisa de arquivo sobre a guerra colonial, incluindo os discursos políticos produzidos pelos líderes de ambos os lados da disputa pelo território.

Refletindo sobre este acontecimento histórico a partir do ponto de vista da luta de libertação que foi travada em Angola, Guiné e Moçambique, é exposto o seu impacto no Estado Novo e na consequente queda do fascismo em Portugal. Ao mesmo tempo, “Libertação” bebe dos testemunhos e referências dos povos africanos e dos seus percursos até à independência.

A Companhia Hotel Europa propõe um serão diferente, focado na pós-memória colonialista. Um olhar sobre este marco da história de Portugal, assegurando que o mesmo continuará a passar de geração em geração!

Os bilhetes para este espetáculo pode ser adquirido no Centro de Arte de Ovar ou através da Bilheteira Online.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Bruna Rodrigues


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

Rádio global de âmbito local

A passar agora
TITLE
ARTIST