Pedro Abrunhosa regressa ao futuro em Ovar

Por em 08/06/2020

O Festival “Regresso ao Futuro”, organizado pela Sons Em Trânsito (SET) tem o intuito de devolder a normalidade, sobretudo ao mundo musical e cultural. O evento vai dar voz a 21 músicos portugueses que, em simultâneo, atuarão em 21 Salas de Espetáculos Municipais no dia 20 deste mês.

Assim, às 21:30h desse dia, irão estar 21 salas iluminadas, o que se espera ser um estímulo para se manter a esperança e a confiança do público nestes espaços e eventos, uma vez que estes deverão garantir a boa prática de comportamentos de acordo com as novas regras sanitárias.

Os bilhetes terão o valor de 10€ e encontrar-se-ão à venda a partir de amanhã, 9 de junho, nos locais habituais ou nas bilheteiras dos próprios espaços.

Este evento tem uma natureza solidária que envolve as Salas de Espetáculos Municipais, os Músicos, as Equipas técnicas, a SET e os próprios públicos numa angariação monetária (bilheteira) para o Fundo de Solidariedade para a Cultura, formado pela Audiogest (representante de produtores musicais) e pela GDA (Gestão de Direitos dos Artistas).

Esta angariação servirá para apoiar profissionais relacionados com o setor artístico e cultural que precisem de apoio financeiro de emergência. Logisticamente, terão prioridade aqueles que se encontrem com maior necessidade económica.

Desta forma, o “público é ainda convidado a levar alimentos não perecíveis para entrega nos Teatros, que serão recolhidos e distribuídos pela União Audiovisual junto dos profissionais dos setores das artes que se encontram em situação de maior vulnerabilidade alimentar”, sugeriu a organização do evento, SET.

Ovar é uma das cidades que vai acolher um artista e ajudar na sustentabilidade dos espaços culturais e dos próprios profissionais. Assim, no dia 20 de junho de 2020, às 21:30h, o Centro de Arte de Ovar (CAO) vai receber Pedro Abrunhosa.

Durante a quarentena, o artista manteve a sua atividade, desde o contato com os fãs a partir das redes sociais à criação de novas músicas. O tema que se destacou foi “Tempestade”, que aborda o afastamento social criado pela pandemia Covid-19, o qual foi dedicado ao pai. Embora o tema tenha sido apresentado pela primeira vez na TVI a solo, também já foi cantado em parceria com Carolina Deslandes.

Outro momento ímpar em que participou foi num concerto em modalidade de drive-in, em Ansião, no dia 23 de Maio, no qual aproveitou para fazer uma última homenagem ao seu pai, agradecer todas as mensagens de carinho e reafirmar o seu regresso à atividade artística.

Consulte aqui os concertos do mesmo festival que irão acontecer no nosso distrito:


Fotos: Direitos Reservados
Infografia: Irina Silva
Texto: Irina Silva


Opinião dos leitores
    • AVfm   Em   09/06/2020 pelas 1:00

      Julgamos que estarão disponíveis amanhã nas plataformas online habituais e nas bilheteiras físicas de cada sala

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

Rádio global de âmbito local

A passar agora
TITLE
ARTIST