Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Horóscopos

11:10 11:15

Atual

Horóscopos

11:10 11:15


Shortcutz Ovar inicia amanhã sexta temporada, recheada de novidades curtas e de longa duração

Escrito por em 20/01/2022

É caso para dizer que a sexta (temporada) arranca na sexta (feira). O dia 21 de janeiro ficará marcado pelo início da 6ª. temporada de Shortcutz Ovar, com o cinema de volta à cidade. O serão dedicado à sétima arte prevê a exibição do filme “A Távola de Rocha”, de Samuel Barbosa, no Centro de Arte de Ovar (CAO), a partir das 21h30.

O projeto cultural focado na divulgação de peças cinematográficas portuguesas traz, à sala de espetáculos de Ovar, em estreia nacional, um documentário evocativo da vida e obra do cineasta Paulo Rocha. A obra inclui imagens inéditas do arquivo do realizador, a par de testemunhos dos atores Luís Miguel Cintra e Isabel Ruth.

A Távola de Rocha” vai proporcionar um reencontro com um cineasta que marcou o novo cinema português e que, ao longo da vida e independentemente de para onde viajasse, manteve sempre uma ligação afetiva e familiar com o concelho de Ovar, onde filmou “Mudar de Vida”, na Praia do Furadouro.

A sessão contará com a presença do realizador Samuel Barbosa, que será recebido por Tiago Alves, programador do Shortcutz Ovar. A entrada é gratuita, sendo necessário obter bilhete de acesso, de acordo com a limitação dos lugares disponíveis.

A 6ª Temporada de Shortcutz

O movimento urbano de curtas-metragens vai trazer a Ovar mais longas-metragens portugueses. No âmbito do centenário do nascimento de José Saramago, Shortcutz Ovar integra e valoriza a programação cultural local com a exibição de “O Ano da Morte de Ricardo Reis”, de João Botelho, recentemente distinguido com o prémio de melhor filme na competição internacional do Festival Efebo D’Oro, em Palermo (Itália). A projeção já está agendada para 11 de fevereiro, também na sala do CAO.

Quanto às curtas-metragens, o Shortcutz Ovar irá promover 9 sessões competitivas, regressando ao agendamento das últimas quintas-feiras de cada mês. As peças audiovisuais nacionais selecionadas serão exibidas na Escola de Artes e Ofícios. Há ainda lugar para a apresentação de novas criações, até ao final do mês de janeiro, no âmbito do Open Call lançado pela organização, que garante só fechar o alinhamento final após avaliar todas as propostas que possam ainda vir a chegar.

A primeira sessão de curtas metragens acontece já na próxima semana, a 27 de janeiro com a apresentação de “Luz de Presença” de Diogo Costa Amarante, “O Teu Nome é” de Paulo Patrício, e “(In)quietude” de Ana S. Carvalho, contando com a presença dos realizadores, que estarão à conversa com Tiago Alves e com o público presente.

O programador revela todos os detalhes, em entrevista nos nossos estúdios, que partilhamos aqui:

[give_form id=”81006″]


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *