Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Horóscopos

11:10 11:15

Atual

Horóscopos

11:10 11:15


Escolas encerram 15 dias, sem substituição por ensino à distância

Escrito por em 21/01/2021

António Costa, anunciou hoje, 21 de janeiro, o encerramento dos estabelecimentos escolares de todos os níveis de ensino durante 15 dias, numa tentativa de travar os contágios do novo coronavírus.

O Primeiro Ministro, António Costa anunciou esta tarde o encerramento de creches, ATL, escolas e universidades durante 15 dias, a iniciar-se amanhã, sexta-feira. Este período poderá ser encarado como uma antecipação das férias escolares, uma vez que estes dias serão compensados, sendo as aulas reagendadas para a altura do suposto descanso escolar.
Tratando-se de uma paragem, não serão adotados os regimes de vídeo-aulas ou de ensino à distância.

Para o Primeiro Ministro é notório o esforço logístico que as escolas têm realizado no âmbito de proporcionarem as melhores condições aos seus alunos, contudo afirma que o “princípio da preocupação” obriga a que se suspenda as atividades letivas.

O recuo na decisão de não encerrar estes estabelecimentos encontra-se diretamente relacionado com a nova variante do Coronavírus identificada no Reino Unido.

Apesar dos especialistas dizerem que este vírus não afeta mais a saúde, dizem que tem maior carga viral e uma velocidade de propagação muito maior. Essa interrupção tem custos e, por isso, decidimos que, em vez de uma interrupção presencial, há mesmo uma interrupção letiva de atividades que pode ser compensada com encurtamento ou eliminação de outros períodos.

declarou António Costa

António Costa refere ainda que há um crescimento acentuado dessa mesma estirpe britânica, que passou de 8% na semana passada para 20%, com os estudos prospetivos a prever uma prevalência em Portugal que pode chegar aos 60% na próxima semana.

Escolas continuam em funcionamento para…

Manterão as portas abertas, as escolas de acolhimento a crianças com menos de 12 anos cujos pais se enquadram em grupos específicos (como profissionais de saúde, bombeiros e forças de seguranças, entre outros) e têm de trabalhar presencialmente.
Continuarão igualmente abertos os estabelecimentos de ensino para crianças com necessidades educativas especiais.

O Ensino Superior

As instituições de ensino superior também serão afetadas pela pausa de 15 dias. Caso atravessem época de exames, o calendário de avaliação deverá ser ajustado, cabendo a cada estabelecimento de ensino decidir a melhor forma de o fazer.

Pais de crianças até 12 anos com faltas justificadas e apoio idêntico ao de Março​

Os pais das crianças com idade inferior a 12 anos de idade poderão usufruir de faltas justificadas ao trabalho e de um apoio financeiro similar ao que foi atribuído no primeiro confinamento, em março de 2020, correspondente a 66% da remuneração.

Nas palavras do Primeiro Ministro, os pais “terão faltas justificadas ao trabalho, se não estiverem em teletrabalho, e um apoio idêntico ao que foi dado na primeira fase do confinamento”.

Reveja a Conferência de imprensa do Conselho de Ministros, realizada a 21 de janeiro de 2021:

As 5 regras básicas que deverá ter sempre presentes

Regra dos 5:

  • Distanciamento físico
  • Uso obrigatório de máscara
  • Etiqueta respiratória
  • Lavagem frequente das mãos
  • App Stayaway COVID

Poderá consultar o website covid19estamoson.gov.pt, para esclarecer dúvidas sobre as medidas referidas e conhecer quais os Concelhos de risco.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *