Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Alma Lusitana

13:05 14:00

Atual

Alma Lusitana

13:05 14:00


Exposição de António Melo Rosa e João Caetano, “A Árvore: do concreto ao simbólico”, patente na Biblioteca Municipal de Ovar

Escrito por em 25/05/2022

A Biblioteca Municipal de Ovar tem patente, desde 20 de maio, uma exposição de desenho e pintura intitulada “A Árvore: do concreto ao simbólico”, de António Melo Rosa e João Caetano.

Os trabalhos artísticos, com a Árvore como fio condutor, pretendem assinalar o Dia Mundial do Ambiente que se comemorará a 5 de junho. A mostra poderá ser visitada até 2 de julho, no horário de funcionamento do equipamento municipal, de segunda a sexta-feira das 10h00 às 19h00 e ao sábado entre as 09h00 e as 13h00.

Explorando a relação instintiva e natural que o Homem e a Árvore mantêm, as obras atravessam várias manifestações artísticas, do concreto à criação, para lá do território das palavras, passando pela ilustração e convidando o público a interpretar e descobrir cada item, numa experiência individual e pessoal, recorrendo a episódios, frases e memórias.

Os criadores, António Melo Rosa e João Caetano, pretendem mostrar que as representações da Natureza, não sendo exatas, não se fecham em si próprias. Os artistas apresentam os trabalhos como um pretexto para livres experimentações, combinações e interpretações, conseguidas pela dinâmica criada entre eles próprios, as obras e os visitantes.

António Melo Rosa licenciou-se em Artes Plásticas e Escultura. Desde 1978, o artista participou em várias exposições coletivas, tendo já exposto no Museu de Ovar e no Museu de Arte Sacra de Ovar. A título individual, já apresentou as suas obras no Centro de Arte de Ovar e na Cooperativa Sem-Margem.

João Caetano realizou o curso de Pintura pela Escola Superior de Belas Artes do Porto. Em 2001, recebeu o Prémio Nacional de Ilustração com o livro “A Maior Flor do Mundo”, de José Saramago. O artista já expôs individualmente em Ovar noutras ocasiões, nomeadamente na Biblioteca Municipal, em 2003, com “10 anos de Ilustração” e no Centro de Arte de Ovar, em 2017, com “Interfaces”.

A exposição é indicada para todos os públicos e tem entrada gratuita.

[give_form id=”81006″]


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *