Current track

Title

Artist

Current show

Programa da Manhã

08:00 11:00

Current show

Programa da Manhã

08:00 11:00


Fonte do Estanislau requalificada mistura beleza natural com património histórico ao serviço das populações. Obra foi inaugurada a 25 de Abril

Written by on 28/04/2022

A Fonte do Estanislau, local idílico que une as freguesias de Arada e de Maceda, também fez parte da rota das comemorações dos 48 anos da Revolução do 25 de Abril.

Eram cerca de 16h00 do feriado nacional quando se deu início ao ato público de inauguração da empreitada de requalificação da zona, com uma vasta plateia presente, grande parte dela apanhada de surpresa enquanto usufruía dos patrimónios natural e histórico disponíveis no local.

António Correia | Grupo Folclórico “Os Fogueteiros de Arada”

A primeira intervenção esteve a cargo de um fundador do Grupo Folclórico “Os Fogueteiros de Arada”.

António Correia, sócio nº. 1 da coletividade e conhecedor de longa data do local, começou por explicar que o rio que aí passa nasce em São João de Ver. No seu curso, depois de atravessar o território feirense, passa por Arada, Maceda e Cortegaça, até desaguar na Barrinha de Esmoriz.

Contou, entre outras curiosidades, que as populações locais foram aprendendo a usar as correntes de água a seu favor, pelo que ao longo do rio existem vários moinhos seculares, cuja função era moer cereais, aí produzindo rações para o gado e farinhas para a produção de pão.

Joana Coelho | Vogal da Assembleia da União das Freguesias de Ovar

Seguiu-se a intervenção de Joana Coelho, vogal da assembleia de freguesia da União das Freguesias de Ovar, São João, Arada e São Vicente de Pereira (UFO).

Em representação do presidente do executivo, Bruno Oliveira, como aradense, a autarca mostrou-se satisfeita por ver a requalificação dos moinhos e do espaço envolvente, aspiração da comunidade de longa data.

Miguel Silva | Presidente da Junta de Freguesia de Maceda

Miguel Silva, presidente da Junta de Freguesia de Maceda, ficou feliz ao constatar o espírito de união que se fez sentir, ao ver a população das duas vilas, Maceda e Arada, presente na cerimónia. Refletiu mesmo que o rio que parece “separar” as mesmas, não tem de as dividir, podendo mesmo funcionar como um ponto de partida a sua união.

Reforçou os votos de que a requalificação da Fonte do Estanislau seja o início de uma intervenção maior, desejando ver intervenções no rio e nos restantes moinhos até Cortegaça e Esmoriz, proporcionando melhores condições de vida a munícipes e visitantes.

Salvador Malheiro | Presidente da Câmara Municipal de Ovar

Salvador Malheiro, presidente da Câmara Municipal de Ovar, foi o último interveniente. Começou por partilhar a satisfação de presenciar, como autarca, uma obra de grande importância para o Município.

Confessou que antes de assumir a liderança da autarquia, em 2013, já tinha sido desafiado a valorizar a Fonte do Estanislau pelo ex-presidente macedense, António Jorge. Passados 9 anos, o edil viu a sua palavra honrada, embora mais tarde do que o previsto e desejado.

Encarou a requalificação como um contributo para a preservação do ambiente, valorização do património natural e promoção do território e da economia, a par da valorização do património cultural e da história da comunidade.

Dirigindo-se à comunidade de Arada, lamentou os atrasos da instalação da caixa multibanco, sobretudo em comparação com vilas vizinhas, quando a localidade foi a primeira a firmar acordo com entidades bancárias e é a única ainda sem esse serviço. Pediu para que acreditem, garantindo que, enquanto puder, não irá desistir de exigir esse serviço, assim como a requalificação da Travessa da Estrada Nova e a desagregação da União das Freguesias de Ovar.

A Rádio AVfm fez o registo de todas as intervenções, que pode ouvir nos player’s multimédia disponíveis acima. Fizemos ainda um registo fotográfico dos melhores momentos, que aqui partilhamos:

« de 66 »

Áudio: José Carlos Soares
Fotos: Paulo Homem de Melo
Texto: Irina Silva

Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *