Nova Ciclovia na EN327 vai unir três concelhos vizinhos ao longo da Ria de Aveiro

Por em 12/10/2020

O projeto “Murtosa Ciclável” continua a expandir-se ao longo do seu Concelho, chegando agora o momento de avançar com a ciclovia da EN327, que irá unir o Concelho da Murtosa aos seus vizinhos. Um investimento de cerca de um milhão de euros ligará através de um novo percurso, ao longo da Ria de Aveiro, S. Jacinto à Murtosa e a Ovar.

Foi aprovada pelo Turismo de Portugal a candidatura conjunta dos Municípios de Aveiro, Murtosa e Ovar que tornará possível o financiamento da obra que ligará S. Jacinto à rotunda do Carregal, em Ovar. Desta forma, irá ser mais seguro e atrativo atravessar, de bicicleta, estes Concelhos, usufruindo de momentos de bem estar únicos.

Estamos a dar uma nova roupagem ao projeto para o tornar mais atual, pois veio da Polis que, entretanto, o deixou cair quando se viu que o POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos não o contemplava. No âmbito dos investimentos para o crescimento da rede de ciclovias, este é o mais expressivo pelo impacto que tem, pela visão supramunicipal que encerra. O projeto alarga um corredor ciclo turístico de nível internacional, já assumido pela Rede Europeia de Ciclovias (EuroVelo), que é também a espinha dorsal de um conjunto de projetos regionais que estamos a desenvolver.

afirmou o Presidente da Câmara da Murtosa, Joaquim Batista

Esta nova expansão do projecto, vai permitir a criação de um corredor azul que acompanhará a nascente da Ria de Aveiro, um corredor verde que apresentará as dinâmicas das águas doces das pateiras e, por último, um corredor dourado que se trata de um percurso de montanha incluindo os Concelhos de Sever do Vouga, Águeda e Anadia.

A Grande Rota da Ria de Aveiro tem três circuitos circulares que arrancam neste corredor legitimado pelo Eurovelo, permitindo a quem desce ou sobe Portugal ser desafiado para fazer incursões diferentes do corredor linear e depois retomar o seu caminho mais à frente e vivenciar uma outra região.

acrescentou o autarca

Desde o início do projeto “Murtosa Ciclável”, em 2007, que o município acreditou no movimento e delineou objetivos de curto e longo prazo, apostando na bicicleta e no seu potencial numa tripla vertente:

Enquanto veículo individual de transporte, dando continuidade a uma opção quotidiana dos cidadãos murtoseiros, pois a utilização da bicicleta não decaiu. Em segundo lugar, a bicicleta na vertente de cultura física, que tem a ver com as BTTs e percursos de natureza que têm cada vez mais adeptos e, por fim, a bicicleta enquanto veículo para atingir um fim, para desfrutar de um recurso natural, como o ‘birdwatching’ ou os nossos trilhos turísticos.

rematou o edil

A união dos três Concelhos será uma mais valia para a sustentabilidade e para o turismo da região. Os residentes nos municípios poderão aproveitar, usufruindo mais da sua zona de residência, bem como os turistas poderão, então, de forma mais segura, fazer passeios diferentes, com um olhar mais atento para a beleza deste recanto do País.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Bruna Rodrigues


Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

Rádio global de âmbito local

A passar agora
TITLE
ARTIST