AD Ovarense B não merecia sair goleada do Marques da Silva no duelo contra o Pessegueirense

Por em 20/11/2017

A AD Ovarense B foi goleada pela equipa do Pessegueirense por 5 x 1, um resultado que é enganador, já que os alvinegros bateram-se muito bem com a turma de Sever do Vouga.
Os vareiros vinham de uma derrota pesada no Beira-Vouga por 6 x 0. Em contrapartida a equipa do Pessegueirense tinha vencido em casa o Macinhatense por 2 x 0.

António Tavares, Treinador da equipa B de Ovar, teve à disposição dois jogadores da equipa principal. Diogo Russo e Rendilheiro entraram de imediato no onze inicial e tiveram um papel muito importante na equipa. A baliza foi entregue a Miguel Sona; um quarteto defensivo composto por Aleixo, Bruno Cardoso, Carlos e o capitão Sérgio Coelho; o miolo foi entregue a Rafael Oliveira, Diogo Russo e Miguel Ribeiro e na frente atuaram Edi Guerreiro, Rendilheiro e Campino.

 

 

David Rodrigues, Técnico da equipa do Pessegueirense, apostou em Marcelo Dias, Nuno Henriques, Gurra, Fabio Costa, Bruno Santos, Ruben Almeida, Diogo Castanheira, Juzé, Rafa, Garreto e o capitão Paulo Cruz.

Não se previa uma tarefa nada fácil para os pupilos do «Professor Tó» nesta partida, mas a verdade é que os da casa foram guerreiros e só na parte final os homens comandados por David Rodrigues resolveram a partida, avolumando o resultado.

Os primeiros minutos do jogo foram equilibrados e os vareiros até estavam por cima na partida. Contra a corrente do jogo, aos 10’ Juze realizou um passe longo para Diogo Castanheira; este simulou e deixou a bola para Rafa, extremo que foi muito rápido, ficando na cara do guardião vareiro. Bastou chutar colocado, fazendo o primeiro para a equipa do Pessegueirense. Os vareiros sentiram este golo e dois minutos depois Rafa disparou um míssil com o seu pé esquerdo à entrada da área… a bola só parou no fundo das redes! Miguel Sona nada podia ter feito depois do foguete lançado por Rafa…

A equipa da AD Ovarense não baixou os braços e procurava reduzir a vantagem que foi alcançada repentinamente nos primeiros dois remates realizados à baliza por parte dos rapazes de Sever de Vouga. Miguel Ribeiro e Rendilheiro foram os mais esclarecidos por parte dos anfitriões. Aos 16’ Rendilheiro passou por dois defesas da equipa do Pessegueirense e teve de ser parado por um terceiro, porque senão já ia como uma seta apontada à baliza de Marcelo Dias. No livre, Miguel Ribeiro bateu com maestria e por muito pouco não surgiu um autogolo da equipa do visitante.

Até ao intervalo os alvinegros continuaram a lutar, mas faltava apoio a Rendilheiro no ataque; já que Campino e Edi estavam muito apagados…

No início da segunda parte, os visitantes fizeram o terceiro após uma falha de comunicação entre Carlos e Miguel Sona… o central da ADO estava a proteger a bola para ganhar um pontapé de baliza, quando Bruno Santos foi muito matreiro e lhe ganhou a bola. Daí cruzou para o capitão Paulo Cruz encostar de forma fácil… Um golo que resultou da falta de experiência dos atletas vareiros, especialmente da linha defensiva, onde faltou uma voz de comando na zona central. A resposta foi imediata e eficaz: aos 55’ Sergio Coelho fez um excelente passe de trivela para a desmarcação de Rendilheiro, que ganhou na velocidade aos defesas do Pessegueirense. Aí foi travado na área, ganhando um penálti para a equipa B da casa. Miguel Ribeiro assumiu as responsabilidades e executou de forma perfeita, estava feito o primeiro dos jovens vareiros na partida!

Os alvinegros animaram e obrigaram a equipa do Pessegueirense a baixar o bloco. Aos 60’ Aleixo efetuou um cruzamento sublime que foi para Rendilheiro… este cabeceou  colocado, mas a bola bateu no poste… Que oportunidade para a equipa da AD Ovarense B!

Rendilheiro continuava a dar muitas dores de cabeça à defesa contrária, mas continuava desapoiado na frente. António Tavares ainda substituiu Edi por Luís Santos, mas este jovem não acrescentou nada ao ataque vareiro.

A equipa da Ovarense continuava a comandar o jogo e o Pessegueirense aproveitava os contra-ataques. Aos 74’ Juze protagonizou uma jogada individual e disparou à entrada da área… a bola só parou na gaveta da baliza de Miguel Sona. O guardião ainda voou mas era uma missão impossível sacar o tiro de Juzé. O desânimo foi total por parte dos de Ovar e o quinto da equipa orientada por David Rodrigues apareceu aos 89’ através de uma grande penalidade que foi convertida com sucesso por Steven!

Pedro Silva e Joel Magina foram os repórteres da AVfm no local. Ouça as entrevistas aos técnicos:

António Tavares – Treinador da Ovarense B

 

 

David Rodrigues – Treinador do Pessegueirense

 

 

A equipa da AD Ovarense B continua no último lugar com apenas um ponto enquanto o Pessegueirense se mantém na terceira posição.

Na próxima jornada os vareiros deslocam-se ao Macinhatense, já o Pessegueirense vai receber o Santiais; equipa que está um lugar acima na classificação.

Veja a fotogaleria:

 


Fotos: António Silva
Texto: Joel Magina

Opinião dos leitores

Deixa um comentário

O teu e-mail não será divulgado. Obrigatório*


AVfm

Rádio global de âmbito local

A passar agora
TITLE
ARTIST