Current track

Title

Artist

Current show

Current show


AdRA poupou 5,8 mil milhões de litros de água em 3 anos, reduzindo as perdas da rede de distribuição em parceria com a INDAQUA

Written by on 09/05/2022

A INDAQUA – Indústria e Gestão de Água, S.A. é uma empresa especializada na gestão de sistemas de abastecimento de água para consumo humano e de saneamento de águas residuais. Atualmente é o maior operador das concessões municipais no país. A Águas da Região de Aveiro (AdRA) é a entidade que gere e explora, em regime de parceria pública, as redes de água e saneamento da nossa região. Em 2021, esta atingiu uma meta importante, a caminho de uma gestão mais eficiente do abastecimento de água, tendo atingido um rácio de água não faturada de apenas 20%, alinhado com o objetivo nacional.

O valor alcançado é bastante inferior à média atual do país, onde a água desperdiçada após entrar nas redes de abastecimento, a cada ano, ronda os 30%, há cerca de 10 anos consecutivos.

Em 2019, após conseguir bom desempenho nas redes localizadas em Aveiro, a AdRA quis alargar esse nível de eficiência aos restantes nove concelhos que serve, nomeadamente Águeda, Albergaria-A-Velha, Estarreja, Ílhavo, Murtosa, Oliveira do Bairro, Ovar, Sever do Vouga e Vagos. Assim, nesse mesmo ano foi criado o Projeto de Eficiência Hídrica em parceria com a INDAQUA, iniciativa pioneira em Portugal.

Em três anos, a AdRA evitou o desperdício de mais de 5,8 mil milhões de litros de água, o suficiente para abastecer a região durante 4 meses, prevendo que, até 2023, possa desperdiçar menos 8 mil milhões de litros de água no total.

Para alcançar tais resultados, a AdRA estabeleceu objetivos anuais que permitiram avaliar rigorosamente a evolução do projeto. Nos primeiros dois anos, foi registada uma poupança superior a 3,6 mil milhões de litros de água, ultrapassando em mais de 200% a meta fixada para esse período. Já em 2021, no terceiro ano do projeto, a poupança acumulada ascendeu aos 5,8 mil milhões de litros.
A avaliação da iniciativa conclui terem desaparecido 36% das perdas de água que existiam ao longo da extensa rede de abastecimento.

A inovação do projeto baseia-se desde logo num modelo de remuneração por desempenho, no qual as poupanças efetivamente alcançadas são partilhadas. Assim, o pagamento da AdRA aos parceiros que garantem os recursos tecnológicos necessários a uma mais rápida redução de perdas, só acontece se e quando os objetivos definidos são alcançados.

Pedro Perdigão, Diretor do Grupo INDAQUA, afirmou que a escassez de água para consumo humano atribui uma grande urgência à questão. Nesse sentido, mostrou-se orgulhoso em perceber que os projetos portugueses em que a INDAQUA se envolve, alcançam os objetivos mais cedo que o previsto.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva

Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *