Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Programa da Manhã

08:00 11:00

Atual

Programa da Manhã

08:00 11:00


Primeiras vacinas contra a Covid-19 foram administradas hoje no Hospital de Ovar

Escrito por em 29/12/2020

Ontem, dia 28 de dezembro, chegaram as primeiras vacinas contra a doença Covid-19 ao Hospital Dr. Francisco Zagalo (HFZ) de Ovar. Contudo, foi hoje que teve início a vacinação dos profissionais de saúde daquela unidade hospitalar pública vareira.

Simbolicamente, a primeira pessoa a ser vacinada foi Ana Cristina Ferreira, a enfermeira que atendeu o primeiro paciente infetado com o SARS-CoV-2, vírus responsável pela atual pandemia, em março de 2020.

A enfermeira, num momento marcante, foi pois a primeira a receber a vacina da Pfizer-BioNTech, administrada por Mariana Pinto Fragateiro, a Enfermeira Diretora do Hospital de Ovar.

Em seguida, foi vacinado o Diretor Clínico da unidade hospitalar, Rui Dias. As imagens desses momentos, que ficarão gravados na história da instituição e nas memórias dos intervenientes, foram partilhadas hoje mesmo nas redes sociais do Hospital, ainda antes das 11h00.

A primeira vacina administrada nesta unidade hospitalar é um momento de enorme esperança e, por isso, estamos muito confiantes de que este será o início do caminho a percorrer para pormos fim a este pesadelo que há muito tempo estamos a viver coletivamente.

disse Luís Miguel Ferreira, Presidente do Conselho Diretivo

Luís Miguel Ferreira, Presidente do Conselho Diretivo da unidade de saúde, afirmou que a vacina será um contributo na luta contra a doença sendo, contudo, uma ferramenta que faz parte da solução e não a solução no seu todo. Assim, relembrou que é necessário manter as regras sanitárias praticadas até ao momento, como o distanciamento físico, a higienização das mãos e o uso obrigatório de máscara.

Esta remessa de vacinas irá contemplar 40 (quarenta) profissionais de saúde, de acordo com o plano de vacinação contra a Covid-19 em Portugal, que arrancou no passado dia 27 de dezembro, no Porto.

Reveja os momentos da chegada das vacinas ao Hospital de Ovar, rodeadas de fortes medidas de segurança:

« de 9 »

O Plano de Vacinação

Em 2021, estão previstas três fases distintas na execução do Plano de Vacinação. As entidades competentes afirmam que a duração do processo estará relacionado com o ritmo de disponibilização das vacinas.

A 1ª Fase destina-se a profissionais de saúde e das forças armadas, forças de segurança e serviços críticos, a residentes e profissionais em lares e unidades de cuidados continuados e a pessoas com mais de 50 anos com patologias associadas (como por exemplo diabetes, hipertensão e outras doenças crónicas). Prevê-se que neste primeiro momento, sejam vacinadas cerca de 950.000 (novecentos e cinquenta mil) cidadãos.

Já na 2ª Fase, prevê-se que 1.800.000 (um milhão e oitocentas mil) vacinas sejam administradas em pessoas com mais de 65 anos, juntamente com cerca de 900.000 (novecentos mil) utentes com mais de 50 anos e com patologias associadas.

A terceira e última Fase prevê que a restante população seja vacinada. Os grupos desta etapa do plano ainda poderão ser reformulados, mediante o ritmo de disponibilização das vacinas.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *