Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Alma Lusitana

13:05 14:00

Atual

Alma Lusitana

13:05 14:00


Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga dará formação a profissionais de saúde da Guiné-Bissau

Escrito por em 21/07/2021

O Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV), que agrupa os Hospitais S. Sebastião de Santa Maria da Feira, S. Miguel de Oliveira de Azeméis e de São João da Madeira, recebeu a visita do Ministro da Saúde da Guiné-Bissau, Dr. Dionísio Cumba.
O governante guineense foi recebido pelo Presidente do Conselho de Administração do CHEDV, Miguel Paiva, tendo a oportunidade de conhecer o funcionamento da instituição sediada na Feira, com vista à possibilidade futura de cooperação.

Dionísio Cumba deu a conhecer o modelo organizativo do sistema de saúde do seu país, no qual são reconhecidas graves carências de recursos, tanto de profissionais como de instalações e equipamentos.

Nesse âmbito, foram identificadas pistas de cooperação, nomeadamente na formação de pessoal clínico. Ficou acordado que, a curto prazo, o Governo Guineense e o CHEDV definirão um programa de cooperação que inclua esta vertente, seja através da disponibilização de estágios a profissionais guineenses no CHEDV, ou deslocando profissionais daquela unidade hospitalar à Guiné-Bissau para formação presencial.

Miguel Paiva manifestou a sua satisfação pela visita do governante Guineense, afirmando que “a cooperação com os países do espaço CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa) é, antes de mais, uma obrigação de solidariedade lusófona que nos cabe a todos”.

O Presidente do Conselho de Administração do CHEDV refletiu ainda que, apesar das dificuldades vividas nas unidades hospitalares locais, é sabido que a situação dos guineenses é problemática. Assim, os profissionais dos hospitais da Guiné-Bissau serão apoiados a nível médico, de enfermagem e na gestão.

Na receção do Ministro da Saúde guineense, também esteve presente o Presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, Emídio Sousa, que se comprometeu a apoiar as iniciativas de cooperação no âmbito da saúde, como de outras que venham a ser identificadas, lembrando a propósito a geminação com o município de Catió, naquele país africano.


Fotos: Direitos Reservados
Texto: Irina Silva

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *